Flores 60 anos: 2014 a 2017, os últimos quatro anos da sexagenária Flores

Ao encerrar a série sobre os 60 anos da Flores, trazemos um balanço dos mais importantes fatos entre os anos de 2014 e 2017.

Logo em janeiro de 2014, foi inaugurado o serviço de fisioterapia, que passou a atender os colaboradores do Grupo JAL, funcionando dentro da Academia JAL. Entre março e setembro, a empresa investiu em obras e reformas visando à melhoria do ambiente de trabalho e à produtividade dos colaboradores. Foram concluídas: a obra de ampliação da estação de tratamento de água, que melhorou a qualidade do tratamento, permitindo a retirada de 100% da lama e de forma mais fácil; as reformas estruturais nos pontos finais das linhas da empresa, com o objetivo de oferecer postos de trabalho mais seguros e confortáveis para os colaboradores, e a reforma estrutural do auditório, também visando ao conforto e qualidade para o público durante os eventos ali realizados.

Em dezembro de 2014, uma importante conquista: a Flores venceu a Bienal ANTP de Marketing, na categoria Endomarketing, com o case “Academia JAL, Qualidade de Vida e Saúde para Todos”. A entrega do Prêmio se deu no dia 6 de novembro, no Riocentro, durante o 16º Etransport. Outros fatos importantes desse ano foram a criação do time de Melhoria para Tratamento das Reclamações Procedentes e a ampliação da ambientação para o “Programa de Boas Vindas”, para facilitar o entrosamento dos novos contratados com a cultura da organização e dar uma nova formatação para o início do trabalho dos novos colaboradores na organização.

Melhor empresa, PDL, novo software e DDS

Em 2015, pesquisa realizada pela Universidade Corporativa do Transporte (UCT), com motoristas de ônibus das empresas do Estado do Rio de Janeiro, com o objetivo de avaliar o perfil e as expectativas desses profissionais, indicou a Flores como uma das melhores empresas para se trabalhar no Estado.

Nesse mesmo ano, a empresa retomou, em agosto, o Programa de Desenvolvimento de Lideranças, voltado para os líderes em atuação e em potencial. O curso foi concluído em 2017 e contou com a participação de 105 profissionais, sendo 85 da Flores e 25 da Real Rio. Outro curso realizado em 2015 foi o de Ferramentas da Qualidade, voltado para a qualificação de integrantes dos times de melhoria e ministrado pelo Bureau Veritas.

Na área tecnológica, a Flores também avançou em 2015 com a implantação de software de treinamento, construído pela News Systems. A ferramenta permite programar treinamento, organizar turmas, registrar a participação do colaborador em seu perfil e monitorar individualmente treinamentos previstos e realizados de cada colaborador. A área da saúde também ganhou com a criação do grupo de brigadistas para combater o mosquito Aedes aegypt.

Em 2016, foi criado, em março, o Diálogo Diário de Segurança (DDS), projeto da área de Saúde e Segurança do Trabalho e adotado na Manutenção da Flores e da Real Rio. A proposta é eleger um tema sobre segurança a cada mês e dedicar 10 minutos por dia a esse tema, buscando alertar os colaboradores sobre os cuidados necessários antes do início de suas atividades. O primeiro DDS foi realizado em abril. Em setembro, o processo de Operação também passou a ter encontros voltados para a melhoria da segurança. Motoristas, cobradores, fiscais e controladores começaram a participar de bate-papos com o técnico de Segurança do Trabalho, nos principais pontos.

Lista atualizada, comunicação e premiação

Também em abril o Programa 5S foi atualizado com requisitos do Sistema de Gestão Integrado. Com isso as cinco listas de verificação adotadas nas auditorias internas – da Administração, do Centro Médico, do Restaurante, da Manutenção e do Almoxarifado -, foram atualizadas e passaram a englobar também as Normas ISO 9.001:2008 (Sistema de Gestão da Qualidade), ISO 14.001: 2004 (Sistema de Gestão Ambiental) e OHSAS 18.001 2007 (Sistemas de Gestão de Saúde e Segurança no Trabalho).

Em maio de 2016, a comunicação interna da Flores ganhou uma nova e importante mídia: a TV Corporativa. As TVs, instaladas em cinco pontos da garagem da Flores, trazem um conteúdo que varia entre notícias em geral, da grande mídia e internet, dicas de saúde, de economia e profissionais e notícias institucionais das empresas, que compõem a maior parte do conteúdo editorial. Já este jornal Folha Verde passou a ser eletrônico, enviado por e-mail para os leitores, a partir de dezembro de 2016, gerando grande economia de papel e contribuindo para a conservação do meio ambiente. E a comunicação externa também foi contemplada com mudanças, com a entrada no ar do novo site da Flores, mais fácil de navegar, mais moderno e objetivo, e trazendo todas as informações sobre a empresa.

Em novembro de 2016, o Grupo JAL comemorou a conquista de seus colaboradores no Prêmio Alberto Moreira, promovido pela Fetranspor para destacar os melhores rodoviários do Estado do Rio de Janeiro, nas categorias motorista, cobrador, manutenção, operação, administração e liderança. A Flores ficou com os primeiros lugares em manutenção e administração e o segundo lugar em cobrador. E na pesquisa de satisfação com os clientes outra vitória: o índice geral de satisfação entre os clientes da Flores foi de 88,7%, acima do alcançado em 2015, que atingiu 84,6%. Para fechar o ano, foram concluídas as reformas estruturais na operação.

Whatsapp, Guia Eletrônica, Desempenho e novas linhas

O ano de 2017 também contou com importantes acontecimentos, a começar pelos investimentos na comunicação entre os colaboradores, com a adoção do Whatsapp, em janeiro, com o objetivo de manter a equipe da empresa informada sobre assuntos como: datas de pagamento e do depósito do vale alimentação, eventos corporativos e até mesmo notícias relacionadas ao setor de transporte. Em fevereiro, foi iniciada a implantação da Guia Eletrônica para controle de entrada e saída dos colaboradores da Operação, em substituição à Guia Ministerial. A nova ferramenta funciona a partir do registro, em um tablet, da matrícula e senha do colaborador, tanto no momento que inicia a jornada de trabalho como quando encerra. Também em 2017, em julho, teve início a implantação do sistema de biometria facial nos validadores dos ônibus da Flores, visando a evitar fraudes no uso dos cartões RioCard Gratuidade e Bilhete Único Intermunicipal (BU).

Em agosto, a Flores passou a adotar o Programa de Otimização do Desempenho, com o objetivo de melhor monitorar os principais indicadores da Operação, Manutenção e Administração, bem como os indicadores individuais dos colaboradores. Além disso, foi implantada a Brigada de Emergência, criado o Almoxarifado do Patrimônio e o setor de Rouparia para lavagem dos uniformes da manutenção. Também foi contratada empresa para terceirização de impressão, em substituição às impressoras que eram próprias, que apresentavam alto custo dos insumos.

Novas linhas passam a ser operadas pela Flores em 2017. Em fevereiro, a empresa começa a atuar na linha 451 T (Duque de Caxias – Campo Grande – via Éden). Em agosto, inicia a operação de duas linhas, com destino à Itaguaí e à Barra da Tijuca.

São 60 anos de história e os fatos narrados aqui, nos jornais Folha Verde de 2017, a cada edição, são apenas alguns dos importantes acontecimentos que marcaram a trajetória da Flores. A história continua sendo escrita, todos os dias, por cada um dos nossos colaboradores e por todos nós em conjunto.

Deixe uma resposta